domingo, 23 de maio de 2010

Curiosidades e croquis de Alice no País das Maravilhas

Curiosidades e croquis de Alice no País das Maravilhas


Enfim, chegou o dia da estreia de Alice no País das Maravilhas no Brasil. Já vi o trailer em 3D no cinema, no You Tube, mas filme que é bom mesmo, só a partir de hoje à noite.
Mesmo antes da estreia, a versão do diretor Tim Burton criou uma espécie de Alicemania, como eu já contei aqui no blog. Mas pouca gente falou do processo de construção do figurino do filme, que promete ser referência para os estilistas na próxima temporada. Confira algumas curiosidades do figurino de Alice no País das Maravilhas.

MUDANÇAS – Mia Wasikowska que interpreta Alice tem, na verdade, 1,62, mas Alice muda de tamanho ao longo de suas aventuras no Mundo Subterrâneo, indo de pouco mais de 15 cm a 6m). A produção trabalhou muito para usar métodos práticos em vez de efeitos especiais e frequentemente colocava Alice em cima de uma caixa de maçãs para fazê-la ficar mais alta do que todos os outros.
Croquis das roupas de Alice com 15 cm e 6 m
TIRANDO AS MEDIDAS – Durante o filme, Alice encolhe e cresce e perde o vestido original e acaba de anágua. A personagem principal usa desde um vestido feito supostamente a partir das cortinas da Rainha Vermelha e até uma armadura. Colleen Atwood (ganhadora de dois Oscars por Memórias de uma Gueixa e Chicago) teve que criar figurinos que ajudassem a ilustrar suas mudanças de tamanho. Essas variações foram o maior desafio para o figurino. “Nós tivemos que pensar como tudo isso funcionaria junto”, explica a figurinista. “Usamos diferentes escalas e tecidos para que desse certo quando Alice encolhesse e crescesse. Se ela está pequena, as listras têm que ser maiores. Se ela está grande, têm que ser menores”.
O croqui do vestido de cortina
DOCE E AMARGO – A atriz Anne Hathaway, que interpreta a Rainha Branca em Alice no País das Maravilhas, decidiu que sua representação do personagem seria totalmente baunilha. Afinal de contas, a Rainha Branca tem os mesmos genes da malvada Rainha Vermelha, por isso Hathaway visualizou uma “pacifista vegetariana punk rock” e inspirou-se em Blondie, Greta Garbo, Dan Flavin e Norma Desmond. “A Rainha Branca é a versão Beverly Hills da Rainha Vermelha”, diz Colleen Atwood. Seu vestido tem muitas camadas de tecido, com flocos de neve em silkscreen e estampas metálicas laminadas para dar brilho. E ela tem muitas joias para dar um toque meio teatral. “É um vestido grandioso e é o mais frágil que já usei em toda a minha vida”, diz Anne Hathaway, que interpreta a Rainha Branca.
A Rainha Branca - chiquérrima
SURPRESA NA SOLA – A figurinista Colleen Atwood acrescentou corações vermelhos nas solas dos sapatos da Rainha Vermelha, visíveis quando a mimada real coloca seus nobres pés sobre um porquinho vivo transformado em descanso para pés.
ROUPAS HIGH-TECH – Todo guarda-roupa de personagens como o Coelho Branco e a Lebre de Março foi criado digitalmente. “Alguns dos figurinos eu desenhei e outros eu colaborei com os animadores, sugerindo texturas e dando amostras de tecido, principalmente para dar uma ideia e para manter o mundo, do ponto de vista da textura, uniforme”, diz a figurinista.
Depois de ver alguns deslizes das atrizes nas premières mundiais, fiquei encantada mesmo foi pelos croquis do filme. Por isso, escolhi esses desenhos para ilustrar as curiosidades do figurino.